O que fazer caso o bebê apresente sintomas da Covid-19

pixabay_743247_jansteiner-1024x683.jpg

Quais são os sinais que, quando observados no bebê, podem alertar para a suspeita da Covid-19?

Os principais sinais de alerta são:


• mudanças no estado geral, isto é, a sensação de que seu filho está diferente do habitual: pouco ativo, sonolento ou irritado;
• cor da pele arroxeada, pálida, marmórea ou com vermelhidão;
• temperatura axilar maior ou igual a 37,5ºc (febre) ou abaixo de 36ºc (hipotermia);
• dificuldades na alimentação, como recusa da mamada, sugar pouco ou presença de vômitos frequentes;
• alterações na respiração, que é o sinal mais importante da doença, e caracterizando-se por respiração ruidosa, gemido, ausência de movimentos respiratórios ou pausa respiratória. Também podem aparecer coriza, tosse, falta de ar e esforço para respirar;
• alteração das fezes (maior volume, mais vezes e até presença de sangue) e o abdômen distendido também podem acontecer.

 

O que fazer ao suspeitar que o bebê pegou o novo coronavírus?

Agende uma consulta com o pediatra. Se o bebê estiver pouco reativo, com cianose, palidez intensa ou falta de ar, leve imediatamente ao pronto-socorro, pois esses sinais indicam a necessidade de internação.

Se você tiver dúvidas, converse com o pediatra/neonatologista de seu bebê e siga as orientações dele, evitando informações equivocadas que se espalham nas redes sociais.

Nosso maior desejo é SAÚDE para todos!!


Fonte: Departamento Científico de Neonatologia da Sociedade de Pediatria de São Paulo

valor. cuidados de qualidade. conveniência.